21 de out de 2009

Os dias e as noites

Os dias e as noites
passam assim
tão devagar.

Não tenho você
perto de mim!
estando assim,
nem sei o que ser.

Sei que cada manhã
me traz a saudade
tão grande que doi
essa distância
que me corroi.

Essa distância,
minha inimiga,
tanto me faz sofrer
e há apenas uma cura:
você!

Nenhum comentário: